terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Identifique-se Com o Positivo - Willes da Silva

Costumo dizer que todos nós vivemos, consciente ou inconscientemente, dentro de um processo de identificação. Daí que é aconselhável observar a si mesmo para perceber com o que você vive a se identificar, se é com algo bom ou não. Normalmente nos identificamos com aquilo que pensamos ou verbalizamos. Por exemplo, se você acorda pela manhã e declara: “hoje eu não estou bem”, provavelmente o seu cérebro irá registrar essa fala como uma ordem, então você poderá passar o dia todo com algum desconforto. Isso ainda é pouco, imagine se você vive o tempo todo se identificando com o fracasso, se vive a repetir que tudo é difícil, que não dá conta de superar algum obstáculo em sua vida, que é incapaz de mudar, etc. Ou se vive o tempo todo identificado com suas doenças... Imagine.
O seu cérebro é apenas um servomecanismo, ou seja, um mecanismo poderosíssimo que existe para servi-lo. Se você não mantém o domínio sobre ele, se não é o operador da sua programação, com certeza ele obedecerá a uma programação aleatória ditada de fora para dentro, e aí só Deus sabe o que será de sua vida. Provavelmente você viverá seguindo crenças, preceitos ou preconceitos que dificultarão em muito a sua existência, viverá se identificando com situações muitas vezes intransponíveis e causadoras de desconfortos e desequilíbrios.

Para tornar mais claro a reflexão eis mais alguns exemplos de identificações negativas: pessoas preocupadas vivem identificadas com a preocupação e tudo que dela deriva como a ansiedade, a depressão ou o medo; e há aqueles que se identificam com a raiva, com a culpa, com o desamor, com suas perdas, com o sofrimento, etc. Toda a identificação negativa é geradora de distúrbios e outras ocorrências dolorosas. Preste atenção: no campo das relações pessoais ou amorosas, pessoas identificadas com o negativo, com frustrações e fracassos, mormente não são boas companhias. Costumam, além de roubar energia, boicotar o sucesso e o bem-estar alheio. Pessoas com baixa auto-estima vivem a identificar-se com o sentimento de incapacidade, por isso desistem com facilidade dos seus sonhos.

Como já disse, na maior parte do tempo a identificação negativa é inconsciente ou, até mesmo, instintiva. Então a solução é optar pelo uso inteligente da razão. É na racionalidade que você restabelece o pleno domínio sobre a sua mente e o seu cérebro e começa a se desindentificar com a negatividade; é na racionalidade que você opta por identificar-se com o positivo, com o construtivo. A mesma energia que você gasta identificando-se com situações de desequilíbrio ou lamentando suas perdas, pode ser muito bem redirecionada para o que de melhor lhe faz bem. Identifique-se com a alegria, com o sucesso, com a harmonia, com o que lhe é saudável e lhe dá prazer, aí com certeza sua vida começará a transformar-se. Programe sua mente, eduque seu cérebro, seja o mestre do seu domínio. Você pode, você é capaz; basta acreditar e agir. O presente é o seu tempo, a mágica é a do aprendizado e do esforço!

Boa Reflexão e viva consciente.

Willes da Silva
Psicoterapeuta
Consultor Motivacional, Palestras,
Cursos, Atendimento Terapêutico
Contato: (35)3212-5653
e-mail: willesterapeuta@bol.com.br
www.viverconsciente.com.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails