quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Luz - A Força do Espírito - Wagner Borges

Ah, tem coisas que o tempo leva...
Menos o coração da gente,
Que tem muitas histórias para contar.

Encontros e desencontros... E outros encontros.
Tudo é como deve ser.
Cabe ao homem aprender o que é preciso.
Quem é dono da verdade?
Tudo muda, e tudo passa...
Menos a lição que a gente aprende.

Ninguém morre; o espírito é imperecível.
Passa o corpo, fica a experiência.
Ah, a ignorância também passa... Mas fica o entendimento.

Não existe sorte ou azar, tudo é causa e efeito.
Cada um recebe o que dá!
E isso é assim também no infinito...

Sábio é quem perdoa, pois não se liga ao mal.
Quem tem amor, não tem como devolver ódio.
Quem é da Luz, não comunga com as trevas.

Se tudo passa, nada pertence ao homem, nem mesmo o corpo.
Só fica o que o espírito é!
E o que sente em seu coração.

Fazer o mal não compensa; só os tolos caem nessa.
Mesmo assim, tem gente pensando mal dos outros.
E, com isso, deixam as trevas penetrarem em suas mentes.

Ah, tem tanta gente tola no mundo!
Que não valoriza a vida e não sabe amar.
Por isso, andam com o olhar e o coração apagados.

Quem é da Luz, confia na Luz.
E jamais se revolta, pois a raiva não faz morada em seu Ser.
Quem é da Luz, compreende.

Quem é da Luz, ama, mesmo que ninguém entenda.
Isso faz parte do seu Ser. Não tem outro jeito!
E a Luz conhece seus filhos. É gente que ama.

P.S.:
Aos que perseveram nas lides espirituais, mesmo sob a pressão do mundo, um grande AXÉ!

Paz e Luz.

Wagner Borges



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails