segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Olhar Para a Frente - Frei Wilson João Sperandio

Os animais têm o olhar voltado para a terra. Olhos que buscam o chão. Buscam alimento. Buscam sobrevivência. Outros animais tem o olhar voltado para os lados. Sinal de vigilância. De cuidado. De defesa. Poucos tem os olhos voltados para frente. O animal-gente, o animal pessoa-humana tem o olhar para a frente, tem os olhos nas alturas, com possibilidade de olhar o longe. É o olhar que não termina na terra, no mundo material, mas tem dentro de si o sonho das estrelas e do infinito. Seu olhar ultrapassa o tempo e o espaço. Vê o invisível. Toca o infinito. É um olhar revestido de espiritualidade.

É PERIGOSO OLHAR PARA TRÁS.

Quando acabam os sonhos as pessoas vivem de lembranças. É a conversa chata das pessoas de idade que acabaram os sonhos. É a conversa chata das pessoas que só sabem falar em "eu fui... eu fiz". Fisicamente somos feitos para olhar para frente. Andar olhando para trás é perigoso. Pode-se tropeçar. Pode-se entrar em buracos. E pior ainda, pode-se perder a direção. Assim são as pessoas que voltam seu olhar para trás. Perdem o gosto de viver e de sonhar. Ficam contando histórias, repetindo fatos, lembrando feitos. Nada resolve. Tenho medo das pessoas que começam a contar sua história e seu passado! Pararam no tempo. Deixaram de sonhar. Tenho medo de me tornar um contador de mim mesmo. Prefiro sonhar. Assim são todas as pessoas que ficam olhando demais para trás, quando o olhar é feito para o futuro. Quem muito olha para trás pode sofrer de torcicolo. É uma dor chata. Muito mais chato é viver com o olhar no passado.

TUDO É COMO UM GIRASSOL.

Olhar o sol. Ter um sol na vida. A manhã é bonita, mas não podemos ficar sempre olhando para ela. O nascer do sol é lindo, mas não podemos fixar o olhar no nascer, e sim, acompanhar o sol. Ser um girassol. Girar com o sol da vida e da ação. É bonito, mas é muito perigoso passar a vida fazendo sala ou tomando chimarrão. É perigoso "deixar a vida passar". Parece que o sol desapareceu. É perigoso acabar o trabalho e não ter mais nada para fazer. É o senso da i-nutilidade. Do trabalhar para comer. Do comer para trabalhar. Ser girassol é estar sempre em movimento. É ter uma cabeça para pensar e um coração para amar. Um coração inquieto, que não quer pegar no sono com medo de não mais acordar. E há muitas pessoas no sono de só fazer o dever e nada mais. Não são capazes de um gesto de generosidade e de criatividade. São pessoas mortas-vivas. É preciso ser girassol. Ter um objetivo. Ter um guia. Ter um ideal. Ter um sonho que não acaba nunca.

SER PESSOA É SER ESPERANÇA.

É olhar para frente. Já dizia o profeta: "Há uma esperança para o teu futuro". O futuro que é agora e o agora que é futuro. O amanhã que é hoje e o hoje que é amanhã. Olhar para frente. Olhar para o alto. Olhar além das aparências. Além do mundo material. Olhar além da morte, além da finitude das coisas. É o olhar da vida e do amor sem limites.

Frei Wilson João Sperandio
http://www.capuchinhosrs.org.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails