segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

A Paz Interior - Luiz Alberto Py

Precisamos ser capazes de conviver com o sofrimento e com todas as dificuldades de nossa vida sem perder o rumo da felicidade. Ser feliz é conseqüência da possibilidade de superar os padecimentos e os fracassos e manter o coração intacto. A felicidade depende de nossa capacidade de suportar o infortúnio e manter a fé na vida e na natureza, sem nos deixarmos abalar por dificuldades pessoais. Como disse São Francisco de Sales: "Não perca sua paz interior por nada, mesmo quando seu mundo esteja todo perturbado. Entregue tudo a Deus e descanse no Seu seio. Em qualquer circunstância ligue-se a Deus e confie em Seu eterno amor por você."

Aqui vai uma reflexão e uma receita para nos ajudar a melhor viver. Conseguimos o máximo de relaxamento para nossos olhos quando os focalizamos em paisagens distantes, principalmente as mais ligadas à natureza. Quando os olhos estão relaxados, também relaxamos. Este fato pode nos estimular a aprender a olhar para nossos problemas como se eles estivessem distantes. Assim, podemos apreciá-los em sua totalidade, ver a relação que têm com outros aspectos da vida e, ficando com uma perspectiva suficientemente afastada, eles nos afetarão com menor intensidade.

Para sermos felizes, convém nos despreocuparmos com a própria felicidade, amar os outros e a ajudá-los a serem felizes. Ser feliz com a felicidade dos outros é mais fácil: as pequenas coisas que os incomodam são vistas por nós dentro de uma perspectiva mais realista e adequada.

Luiz Alberto Py
http://doutorpy.blogspot.com/



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails