quinta-feira, 7 de julho de 2011

E a vida não pede passagem, ela se impõe! - Sonia Carvalho

Quantas vezes nos surpreendemos diante de um fato que a vida nos apresenta?
Muitas vezes nos sentimos desanimados e com vontade de largar tudo.
Percebemos que há muito tempo a canção deixou de ser tocada.
E as alegrias deixaram de serem sentidas.
Nos sentimos fragilizados e perdidos.
Parece que tudo à nossa volta perdeu o seu encanto.
Até as atividades antes tão prazerosas perderam a sua razão.
As lágrimas simplesmente rolam pela face.
A solidão se aproxima.
E a sombra da depressão começa a estar presente.
Rostos alheios parecem nos condenar.
Muitos ignoram a nossa dor.
E tantos outros apenas nos ironizam.
Mas o sofrimento está lá.
E só quem o sente sabe compreendê-lo perfeitamente.
Dá uma vontade louca de gritar.
Sair sem rumo.
Mas a coragem parece ter nos abandonado.
Queremos colo.
Ou apenas um rumo.
Mas tudo à nossa volta parece sem sentido.
E a vida segue o seu rumo.
Indiferente a tudo.
Afinal, a vida não pede passagem.
Ela se impõe.
Em segundos, é capaz de apresenta a dor e a alegria.
Não espera que nossas feridas se cicatrizem.
Ela apenas continua o seu caminho....
Mas a vida não é mais forte que nós.
Ela pode até nos levar ao chão, em muitos momentos, mas jamais poderá nos vencer.
Podemos sofrer as maiores humilhações.
Atravessar as piores trevas.
E conhecer inúmeras perdas.
Mesmo assim, somos capazes de combater qualquer dificuldade.
Somos capazes de enfrentar a dor de frente e sairmos mais fortalecidos dessa batalha.
Se realmente acreditarmos, podemos sim, mudar os rumos da nossa vida.
Podemos sofrer, mas nunca iremos desistir.
Nenhuma dor resiste a verdadeira fé.
Nenhum obstáculo é maior do que a nossa própria confiança.
E a fé aliada a confiança pode nos levar a qualquer lugar.
Não importam as lágrimas derramadas.
E sim a convicção de que o sorriso, um dia voltará.
Não importa o desânimo que tenta paralisar nossos movimentos.
E sim a vontade de tentar mais uma vez.
Não importa que os outros nos condenem.
E sim a nossa consciência a nos guiar.
Não importa que todos nos abandonaram
E sim que, nos momentos de dificuldade, Jesus sempre nos carrega no colo.
Não importam as coisas que não conseguimos realizar.
E sim as inúmeras qualidades que temos.
Não importa a quantidade de remédios que temos que ingerir.
E sim as palavras de otimismo que saem de nossa boca.
Não importa se a depressão quer mostrar a sua força.
E sim a nossa confiança que, mais uma vez, poderemos superá-la.
Afinal, a vida não pede passagem.
Mas ela jamais poderá nos vencer...

Sonia Carvalho
soniaccarvalho@hotmail.com



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails