segunda-feira, 8 de outubro de 2012

BASTA! EU NÃO AGUENTO MAIS! - GRAZIELLA MARRACCINI

Quantas vezes você já teve vontade de gritar essa frase em sua vida? Quantas vezes teve vontade de virar a mesa e dizer "chega!" a uma situação que a sufoca, que a impede de ser feliz, de se sentir realizada? Então, cara amiga, por que temos tanta dificuldade de soltar nossa fúria para conseguir transformar nossa vida? (estou falando ao feminino, mas isso vale para os homens também!)

Estamos atualmente sob a influência de uma configuração astrológica muito especial: Urano em Áries, em quadratura com Plutão em Capricórnio representam dois agentes de grande transformação coletiva e estão causando não somente enormes catástrofes naturais mas também perturbações na ordem social e econômica mundial. A crise iniciada em 2008 e 2009 chega ao ápice e ira durar ainda alguns meses, adentrando 2013. Plutão, regente da Casa VIII do zodíaco, signo de Escorpião, tem relação com nosso sistema de valores excede que entrou em Capricórnio em janeiro de 2008, colocou na berlinda todo o sistema econômico ocidental. Noções como segurança, finanças, carreira, status, estão sendo questionados ou abandonados, sendo substituídos por um sentimento coletivo que visa modificar os modelos que tínhamos até há poucos anos. Sim, o mundo está mudando. 2012 não trará o fim do mundo, mas já está anunciando a necessidade da implementação de um novo modelo organizativo, econômico e social para a humanidade inteira! O sistema capitalista que não conseguiu diminuir as desigualdades sociais e nem erradicou a fome no mundo está na berlinda! Muito pelo contrário, esgotou os recursos da Terra. O socialista e comunista tampouco conseguem estabelecer a tão desejada igualdade social. Então, o que fazer? As mudanças urgem.

Urano, que desde o ano passado transita em Áries, provocou um sentimento de urgência e de ansiedade que nos afeta no aspecto pessoal, especialmente na área indicada pela Casa onde se encontra não somente o planeta em trânsito, mas em sua origem, ou seja, no nosso mapa Natal. Basicamente, esse trânsito intensifica a natureza de Urano que nos empurra na direção da efetivação de alguma mudança radical, lá onde temos mais dificuldade de mudar nossos valores.

Mas essa mudança irá significar, a longo prazo, uma expansão e um crescimento? Ela será positiva? Tudo dependerá de nossa atitude, pois é disso que tratam todas as mudanças! Mas, cadê a coragem? Cadê a coragem de jogar fora tudo o que temos e que construímos para dar uma guinada em nossa vida? Existe lá na frente a possibilidade de uma vida mais brilhante, mais expansiva, mais plena, certamente... mas como alcançá-la? E, sobretudo, estamos dispostos a pagar o preço? Sair da zona de conforto para enfrentar o desconhecido?

Vejam bem, eu não estou dizendo que devemos agir de forma descontrolada! As revoluções não se fazem da noite para o dia! E a ira transformadora precisa ser acompanhada de sabedoria, caso contrário, não irá resultar em algo positivo. Quando um vulcão explode, jogando para o céu os seus turbilhões de fogo e lava, esteve preparando a erupção durante um bom tempo. Do mesmo jeito, quando nossa ira finalmente explode é porque estivemos ruminando, amargando situações difíceis, constrangedoras, esmagadoras, castradoras, sentindo em nossas entranhas sentimentos reprimidos por causa de um relacionamento frustrante, de um emprego insatisfatório, de um sonho despedaçado! Em geral, as mulheres sufocam a ira durante um longo tempo e demoram mais do que os homens para tomarem atitudes radicais. Homens são mais impulsivos, mas podem se arrepender com maior facilidade por seus atos. Porém, quando as mulheres tomam uma atitude drástica e definitiva, e gritam "chega, eu não agüento mais!" então, caras leitoras, é melhor sair de baixo porque não há nada que possa conter a sua fúria! Talvez a tolerância das mulheres seja maior e ela vai diminuindo até que um belo dia chega um aspecto tenso de Urano ou de Plutão que funcionam como gatilho e revolucionam sua vida.

Agindo com sabedoria, as mulheres podem usar essa ira transformadora sem se deixar dominar pelos impulsos. Mas nem todas conseguem. Vimos recentemente na mídia o exemplo dessa ira descontrolada tomar conta de um mulher que matou e esquartejou o marido por se sentir traída e desprezada! A estratégia de transformação precisa vir acompanhada de muita sabedoria, caso contrário, não deixará pedra sobre pedra. A fúria se voltará finalmente contra a própria pessoa! Em muitos casos, quando a ira não explode para fora, poderá afetar a saúde física criando tumores, câncer e afetando também o equilíbrio psíquico e emocional, causando loucura, depressão e outras doenças que em poucos meses podem até levar à morte.

No Antigo Egito, havia uma deusa chamada Seckhmet que tinha uma cabeça de leão. Ela era protetora e significadora da força e da habilidade da natureza capaz de destruir mas também de regenerar e transformar. Deusa da ira e da destruição, Seckhmet era também a deusa da paz. Ela não iniciava e nem provocava conflitos, mas era capaz de destruir com o fogo quem ousasse desafiá-la ou ameaçar seu território. Ela me lembra o Arcano XIV A FORÇA (chamada de ARTE no Tarot de Thoth) que mostra uma mulher segurando a boca de um leão e dominando-o não com a força mas com destreza, firmeza e sabedoria. É essa mulher que pode agir com determinação quando irada, visando a transformação de uma situação de opressão numa situação de liberdade.

Ainda somos, nós mulheres, vítimas de uma sociedade machista. Fomos acostumadas, (especialmente as mulheres de minha geração) a obedecer e a conter nossas reações emocionais. Nas famílias mais patriarcais e religiosas, a mulher tinha pouco espaço para expressar sua raiva, sua frustração, ou para dizer claramente o que queria. Em minha casa, aprendi que não existia a palavra "quero"! A adaptação a esse meio familiar castrador exigiu mutismo, contenção de desejos, submissão. Mas quanto tempo essa situação poderia durar? Quando o primeiro aspecto uraniano surge em nossa vida (Urano tem um ciclo completo de 84 aproximadamente) e forma uma oposição consigo mesmo (com o próprio Urano do mapa do nascimento) por volta dos 38/40 anos, de repente, explodimos, soltamos finalmente a raiva contida e saímos em busca da nossa liberdade!

Em outros momentos de nossa vida, esse anseio de liberdade se manifesta com menos intensidade, ou seja, por volta dos 19 anos e dos 48, também ansiamos por liberdade mas agimos com menos veemência, com menos ímpeto. Muitos jovens saem de casa aos 19/20 anos, no primeiro aspecto de Urano. Mais tarde, quando Urano der uma volta completa no nosso mapa, aos 84 anos, ele nos libertará por completo. Voltaremos a agir como crianças, não querendo obedecer às regras e imposições, buscando finalmente aquela liberdade total há muito perseguida. Eu creio que o Mal de Alzheimer, que pode ser chamado de loucura senil, faz parte desta manifestação uraniana! Afinal, para que continuar fingindo, reprimindo impulsos e desejos quando alcançamos essa veneranda idade? Quem passa por essa idade, e não vai embora desse mundo, estará definitivamente liberto das amarras.

Com o planeta Plutão, a transformação será mais lenta, mais insidiosa e mais amedrontadora. Os nossos medos afloram, surgem insidiosamente do nosso subconsciente como monstros que, após terem sido mantidos em cavernas, finalmente, surgem à superfície. Precisamos encarar nossos medos, digeri-los, transformá-los e aceitá-los para, enfim, perceber que eles não nos amedrontam mais! Falarei mais longamente das transformações plutonianas no próximo artigo.

Essa semana os convido a compartilhar comigo suas opiniões sobre esse assunto. Como vocês estão enfrentando esse momento tão tenso de crise mundial e como essa quadratura entre Urano e Plutão está afetando suas vidas? Em que área de sua vida você está precisando efetuar uma profunda transformação? Você terá coragem de gritar "basta"?

Agradeço de coração todos os emails que recebo, seja compartilhando experiências, seja expressando dúvidas. Lembro aos caros leitores e leitoras que a consulta presencial lhe fornece uma ferramenta indispensável para acompanhar essas transformações de sua vida. Porém, eu atendo também à distância, via Skype ou através de gravações enviadas por email. Entrem no meu site pessoal www.astrosirius.com.br para verificar consultas e valores.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails