segunda-feira, 27 de maio de 2013

E mais uma vez estou só! - Maria Isabel Carapinha

"Tudo começou como se iniciam sempre as minhas histórias de amor", disse-me a pessoa que eu estava atendendo.
Em uma bela tarde de domingo, de um dia meio encoberto e com um friozinho agradável, decidi sair de casa e ir até uma grande livraria, à procura de um bom livro que me fizesse mergulhar na história, ou de um CD que me colocasse em uma vibração de relaxamento.

Na livraria, passei horas e quando estava saindo, um homem muito bonito e interessante que ali me observava por um longo tempo sem que eu percebesse, convidou-me para um café. Este encontro se transformou em uma relação muito intensa que durou seis anos como um real conto de fadas, onde tudo era harmonia, prazer, compartilhamento de bons momentos e acabou de uma hora para outra, como assim terminam todas as minhas histórias de amor... não aguento mais viver assim!

Iniciei o meu atendimento colocando algumas premissas que acho muito importantes para que os vícios de comportamento não retornem.
A mudança pessoal ocorre somente quando você elimina a origem de um bloqueio energético que irá se repetir por inúmeras vezes e sempre com o mesmo resultado final negativo. Temos que voltar no tempo e identificar com precisão este exato momento que a fez vivenciar pela primeira vez a dor do abandono. É fundamental experimentar com intensidade os sentimentos envolvidos e então suprimi-los, eliminando assim na Mesa Radiônica o bloqueio original. Neste momento, é imprescindível que a pessoa que está sendo atendida se desprenda de todos os desejos de agradar e ser da forma como os outros esperam e relate com uma riqueza de detalhes o que realmente ocorreu no momento identificado, sob a sua ótica, sobre a sua forma e intensidade de sentir.

A felicidade é o objetivo principal de todos nós, mas para que ela seja encontrada de fato, é necessário eliminar a infelicidade que por vezes preenche espaços enormes de nosso ser.
Quanto mais o que lhe incomoda for identificado e eliminado, mais próximo você se encontrará do que deseja.

A maior dificuldade e indignação de uma pessoa é não conseguir entender a razão de determinadas coisas que acontecem em sua vida e eu sempre afirmo que a razão se encontra em um bloqueio energético que precisa ser eliminado o quanto antes.
O simples fato de trazer para a consciência um problema que lhe acontece e refletir sobre ele e o trabalho energético da Mesa Radiônica fará com que este problema perca as proporções exageradas e tudo de negativo que lhe atribuímos.

Os sentimentos não se modificam simplesmente porque você deseja modificá-los, eles necessitam de uma transmutação energética e este é o grande obstáculo que muitas vezes nos faz permanecer por anos com os mesmos erros e repetições de situações.
Tente neste momento fazer um pequeno exercício mental, pense nos seus problemas, sejam eles de que origem forem. Observe-os e, então, analise a dor original que existe por trás de todos eles...

Deste modo, iniciei o atendimento e identificamos um bloqueio energético quando ela tinha quatro anos de idade. De imediato, a memória falha, mas como a pessoa está energeticamente em sintonia com a Mesa Radiônica, a memória desperta e a lembrança vêm à tona...
Recordo-me como se fosse hoje da minha mãe indo embora do hospital de manhã e nunca mais voltando... Esperei-a por dias sem nunca ter a coragem de perguntar ao meu pai o que havia acontecido, sentia raiva dela, prometia a mim mesma que nunca mais falaria com ela. E foi o que realmente ocorreu: eu nunca mais consegui lhe falar, ela me abandonou para nunca mais voltar.
Anos depois quando já achavam que eu pudesse entender o que havia acontecido, contaram-me que minha mãe havia abandonado meu pai e tinha partido atrás do seu sonho de ser atriz em outro país. Nunca consegui entender, por vezes tinha vontade de ir atrás dela, mas ao mesmo tempo, aquela sensação de não ter importância nenhuma para ela se fazia presente e eu abandonava a ideia.

Cresci e um dia me disseram que ela havia morrido de um mal súbito... poxa, um segundo abandono sem a chance de conhecê-la! Toquei minha vida como se este fosse um fato normal.
Iniciei o desbloqueio da energia do momento identificado e então lhe disse: encontramos o seu bloqueio original de abandono e tenho absoluta certeza que inúmeras situações em sua vida terminam em abandono.

Após a identificação e eliminação de um bloqueio, não mais vivenciamos situações repetidas que nos remetiam à mesma dor original do bloqueio identificado.
Hoje ela se encontra feliz e realizada com a sua família e um marido que realmente merece a mulher incrível e sensível que ela é!

Maria Isabel Carapinha
isabelc@uol.com.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails