quarta-feira, 4 de setembro de 2013

TRANSCENDER A SI MESMO... - Ivanildo Falcão da Gama

Transcender a Si mesmo,
Significa parar de andar a esmo
Dentro de um mundo de ilusões.
Um mundo corrido onde sempre privilegiamos o fazer,
O fazer, o ter... É parar de correr e começarmos a olhar
Para nós, para o âmago de nosso Ser,
Quando de forma intencional no nosso silencio
Procuramos Deus, buscando-O ao nos buscar, além do intelecto,
No recôndito secreto
De nossa Alma sedenta de Luz.

Transcender a Si mesmo quer dizer ultrapassar
As barreiras invisíveis de nossos pré-conceitos,
Mesmo de nossos conceitos muitas vezes tão ‘certos’...
Quando abrimos nossa mente e nossa consciência
Para abraçar e acolher o desconhecido...
Mergulhar no Vazio e nos ver um nada
Sem pretensões do tudo de uma vez.
É nos fazer humildemente um anjo mudo,
Cônscios da divina imensidão do Pai.
E é assim que, dando boas-vindas à incerteza
Podemos nos brindar com a Sua Beleza,
Descobrirmos outras praias
No éden-maravilha do Todo de Deus.

Transcender a Si mesmo significa ir além de tudo o que já tenhamos pensado,
sentido, conhecido, experienciado e visto.
Significa a Expansão de nossa Consciência, pondo em evidência
O que se nos vai no inconsciente, peneirando e refazendo nossa visão,
Com um novo olhar, um olhar do coração, direcionado para todos nossos semelhantes, espelhos vivos de nosso Espírito.
Na Fé de que em elevada vibração podemos viajar por novas dimensões,
Esticando nossos pequenos limites e nos apontando novas direções,
Que podem, sobretudo, nos iluminar e iluminar o mundo
Indiferentes à nossa abençoada dor.
Mas, primacialmente, podermos viver a plenitude do Amor
Que então se espraia ao Infinito...
Alcançando o mundo, mundos... É podermos ver séculos em um segundo... Desembaraçando de nós separatividades, exclusões, convicções, sentindo a humana, cósmica e divina Unicidade e Harmonia, nos fazendo mais perto de Deus
Que em nós e em cada ser tem morada...

Transcender a Si mesmo significa abandonar-se inteiramente à Luz,
Fazer do amor incondicional discernido, da sabedoria crística milenar, a nossa bandeira.
Indo para muito além do que já conhecemos, abrindo-nos ao sempre novo,
Vivendo totalmente no Presente, alertas, atentos e serenos no Aqui e no Agora
E nos fazer, nos reconstruir, nos repensar, nos re-avaliar
E nos comandar a plena Liberdade do Ser.

Ivanildo Falcão da Gama
29.4.2012
emamoreluz@gmail.com - www.supraconsciencia.blogspot.com



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails